João Bosco interpreta Nação

Deixe um comentário
Compartilhar

Nação

Composição: João Bosco – Aldir Blanc e Paulo Emílio


Dorival Caymmi falou prá Oxum

Com Silas tô em boa companhia BIS

O céu abraça a terra, deságua o rio na Bahia

Jeje minha sede é dos rios

A minha cor é o arco-íris, minha fome é tanta

Planta flor irmã da bandeira

A minha sina é verde-amarela feito a bananeira

Ouro cobre o espelho esmeralda

No berço esplêndido

A floresta em calda manjedoura d’alma

Labarágua, Sete Queda em chama

Cobra de ferro, Oxum-maré, homem e mulher na cama

Jeje tuas asas de pomba

Presas nas costas com mel e dendê agüentam por um fio

Sofrem o bafio da terra

O bombardeio de Caramuru, a sanha de Anhanguera

Jeje tua boca do lixo, escarra o sangue

De outra hemoptise no canal do mangue

O Uirapuru das cinzas chama

Rebenta a louça Oxum-maré

Dança em teu mar de lama.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *