“Ficha Limpa”

Deixe um comentário
Compartilhar

Sob tensão, STF adia julgamento de Roriz

Longe de um consenso, o Supremo Tribunal Federal adiou para hje a decisão de vetar ou não a candidatura de Joaquim Roriz nas eleições do DF. Após um intenso debate, o ministro Dias Toffoli pediu vista do processo refernte ao ex-governador. A sessão desta quinta-feira está prevista para começas às 14h. As divergências entre ministros do STF a respeito da Lei da Ficha Limpa tornaram-se explicítas na fase inicial do julgamento. Encerrado o voto do relator Ayres Britto, contrário ao registro da candidatura de Joaquim Roriz, o plenário enveredou por uma forte discussão sobre a validade da regra eleitoral. O presidente do Supremo, Cezar Peluso, foi contundente.

“Temos um caso aqui de arremedo da lei”, disse, cm severas críticas à maneira como a proposta foi aprovada no Congresso. A interpretação de Peluso contrariou o entendimento de Ricardo Lewandowski, presidente do TSE. Antes de interromper os trabalhos, os integrantes do STF definiram que a decisão acerca da inelegibilidade de Roriz vai balizar a análise dos recursos apresentados por outros candidatos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *