Segundo turno

Deixe um comentário
Compartilhar

Serra enfrenta PT e defende privatizações da era FHC

No dia seguinte ao anúncio de integrantes da campanha petista de que vão usar as privatizações para atacar a candidatura tucana, o presidenciável do PSDB, José Serra, defendeu as medidas tomadas na gestão de Fernando Henrique Cardoso. “Eles poderiam refazer as privatizações, mas não refizeram. Não venham com trololó de factoide dessa maneira. Isso não vão levar”, afirmou. Em encontro com líderes do PSDB e de partidos aliados para dar largada a campanha para o segundo turno, Serra adotou tom de confronto com o PT. “Eles falam em privatização. O governo Lula continuou a privatizar”, disse o tucano, citando a venda de dois bancos estaduais. A defesa mais enfática de FH foi feita pelo senador eleito Aécio Neves (MG): “Se querer condenar as privatizações, estão dizendo a cada brasileiro que pegue o celular e jogue na lata de lixo.

Mal na Bolsa, Petrobras sobe ao palanque com Lula

Incomodado com a falta de referências à capitalização da Petrobras na campanha de Dilma, o presidente Lula batiza hoje a plataforma P-57, jogando a estatal no centro do debate. O momento, no entanto, é ruim: a empresa cai na Bolsa e não deverá cumprir, pelo quarto ano consecutivo, as suas metas de produção.

PMDB incomodado com Ciro

A presença de Ciro Gomes – que já chamou Michel Temer, vice de Dilma, de “chefe de um ajuntamento de assaltantes” – abriu uma crise com o PMDB. O partido quer definir agora seu poder num eventual governo. “Ou ganhamos juntos ou não ganha ninguém”, disse Henrique Alves.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *