Pivô dos escândalos

Deixe um comentário
Compartilhar

MTA perde contrato e pode parar de voar para Correios 

Um dos pivôs da crise que derrubou a ministra da Casa Civil Erenice Guerra, a MasterTop Linhas Aéreas (MTA) caminha para fechar as portas e abandonar os contratos que mantém com os Correios. Na semana passada, a MTA – que tinha como testa de ferro o então diretor de Operações dos Correios, coronel Eduardo Artur Rodrigues Silva – perdeu na Justiça o contrato de R$ 44,9 milhões que havia ganho com uma liminar.

Chefe da estatal tem de sair, avalia Planalto

A crise política nos Correios deve fazer sua próxima vítima em breve: o presidente da estatal, David José de Matos. É consenso no Planalto que sua permanência é insustentável. Matos é o elo que resta entre Erenice Guerra, ex-ministra da Casa Civil, e o primeiro escalão do governo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *