IGNORÂNCIA

[ 13 ] Comments
Compartilhar

 

MIRANDA SÁ (E-mail: mirandasa@uol.com.br)                   

                         “Nada no mundo é mais perigoso que a ignorância sincera e a estupidez consciente” (Martin Luther King)

Machado de Assis conta no seu livro “Balas de Estalo” uma anedota vivida pelo Barão de Drummond (ele gravou com dois “m”) e o Coronel Gordilho. Este último foi motivo de chacota porque, interpretando mal uma ordem superior, prendeu o maçom Luís Prates acusado de participação no movimento revolucionário de 1817 que estourou no Nordeste.

Tempos depois interpretando o fato, o Barão assim se referiu: “O autor da prisão (de Luís Prates) foi o Gordilho que depois, “por merecimento da sua ignorância”, se tornou Marquês de Jacarepaguá e senador do Império.

Machado chamou a expressão “por merecimento da sua ignorância” uma “bala de estalo” – um artefato que riscando na caixa de fósforo estoura, e que usei muito quando eu era menino na época de São João. A frase, por exprimir o julgamento negativo de uma premiação é realmente um estalo.

Triste é que a ignorância entre os poderosos imperiais atravessou os anos e chegou à República na esfarrapada Democracia que vivemos. Ninguém “ignora” a palavra

Ignorância; é um substantivo feminino dicionarizado como falta de saber, de conhecimentos; a característica de quem não tem informação ou não está a par do que se passa à sua volta.

O povão na sua inteligência ampliou o conceito de ignorância para boçalidade, estupidez, grosseria e rudeza. Num dos meus últimos artigos fui criticado por citar como exemplos da decadência cultural no Brasil a intelectualidade eleita pela mídia, e a composição da Academia Brasileira de Letras e do Supremo Tribunal Federal.

Respondo à crítica através deste artigo que é lido por milhares de seguidores no Twitter e no Facebook. Julgo com a sabedoria dos antigos gregos que nos legou uma lição do grande Aristóteles: “o ignorante afirma, o sábio duvida, o sensato reflete”; isto basta para reafirmarmos minha menção aos “novos intelectuais”, “novos imortais” e novos “ministros togados”.

Como a “ignorância e a arrogância são duas irmãs inseparáveis, com um só corpo e alma” no dizer de Giordano Bruno, nós as encontramos como uma atração fatal dos fascistóides lulopetistas.

Haveria um exemplo maior de ignorante do que o pelego Lula da Silva, embora driblando a opinião pública com a astúcia e os ardis de pelego escolado na política sindical? E que, através dele, também tivemos na Presidência “por merecimento da sua ignorância” Dilma Rousseff, que foi defenestrada do cargo, mas continua a divulgar – sem o menor acanhamento – o seu besteirol de “work alcholic”.

Consideramos, também, a estupidez da fração populacional brasileira que se revela cega e faz ouvidos moucos às revelações sobre Lula e Dilma. Chega a 30% da população, incluindo pessoas que ocupam posições de relevo social.

Registram-se artistas, jornalistas, professores e até escritores, assumindo a ignorância ao defender o lulopetismo como se fora socialismo, e confundindo o narcopopulismo como finado stalinismo. Desconfia-se que é por interesse. Fala-se que é mercenarismo. Seja como for, fingidores ou não, travestem-se de ignorantes.

Dizem, também, que muitos destes surfistas da ignorância política o fazem por vaidade, repetindo como papagaios as palavras-de-ordem dos chefetes partidários para atrair holofotes.

Esta versão me agrada, por que os psicólogos dizem que a ignorância está sempre pronta a admirar-se a si própria, e parece ser o diagnóstico correto para os seguidores do Partidos dos Trabalhadores e suas linhas auxiliares…

13 respostas para IGNORÂNCIA

  1. O Brasil – dizia meu tio Vuca, semi-analfabeto – é uma nação de “ingnorantes”.

  2. 1º: Não há coisa mais perigosa que 1 amigo néscio; Melhor ter 1 sábio inimigo.( Jean de La Fontaine)
    2º: Na noite onde estamos, o sábio esbarra com a parede, mas onéscio fica tranquilo no meio do quarto. (Anatole France)
    3º:Ninguém é tão ignorante que não tenha algo a ensinar. Ninguém é tão sábio que não tenha algo a aprender. (Blaise Pascal)
    4º: SÍNTESE:Os sábios falam pouco e dizem muito; os néscios falam muito e dizem pouco. Esopo
    5º: Fala como sábio a um ignorante e este te dirá que tens pouco bem senso. Eurípedes
    6º: Se estamos em acordo com a maioria, chegou a hora de reconsiderarmos nossa posição Roxana Jones
    7º:O cristianismo foi pregado por ignorantes e acreditado por sábios. O fato da sua instituição é humanamente impossível; logo essa religião é divina. Xavier Maistre
    8º:Um dia do sábio vale mais que a vida do ignorante. Provérbio Árabe
    9º: A sabedoria é tão divina….! Que nos causa acanhamento em nos tornarmos porta-vozes dela!

  3. Não acredito que no mundo em que vivemos os poderosos são ignorantes, mas a impunidade é grande em nosso país e sem pessimismo a tendência é crescer mais existe um grande problema a nossa “Justiça continua sendo paga para não enxergar”. Até quando ?Não sabemos.

  4. O CONHECIMENTO POPULAR DIZ QUE A TELEVISÃO PODE MATAR A INTELIGÊNCIA.
    PODE-SE DIZER TAMBÉM QUE A IGNORÂNCIA, PROGRESSIVAMENTE MATA O CONHECIMENTO CONSTRUTIVO QUE BENEFICIA TODA UMA SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA. PARABÉNS PELO TEXTO MIRANDA.

    Rogério Marcelino ( Twitter: @Rogermar32 )

  5. O Cconhecimento Popular diz que a Televisão pode matar a INTELIGÊNCIA.
    Pode-se dizer também que a IGNORÂNCIA mata o Conhecimento Construtivo, aquele que, se aplicado pode Beneficiar toda uma Sociedade Civil Organizada.

  6. Irene Mattos Felix disse:

    Ainda se brinca com balas de estalo, Miranda, agora chamadas de bombinhas
    Não creio que há tanta ignorância nos apoiadores de Lula , há mais esperteza, oportunismo .Lula não está driblando a opinião pública , ele acredita no que diz mais do que seus adoradores As pessoas ainda não entenderam que política é coisa séria e que um país para se desenvolver precisa do voto consciente delas
    Tenho feito a minha parte Discuto política nas redes sociais e com aqueles que estão próximos de mim, como o meu marido que odeia votar Eu falo que não me importo que eles não votem, mas me importo com as críticas que costumam fazer com o aumento da água, luz, comida, gasolina…Quem não vota para mudar , não pode criticar nada Quantas pessoas que agem assim, não votando, poderiam ajudar a situação de um país? Abraços

  7. Prezado mestre!
    Graças a você, e outros mestre humildes… Lentamente o Brasil sai da letargia da ignorância!
    Mas infelizmente, ainda estamos longe de um equilíbrio confiável…Será uma honra colocar seu blog,
    Em links úteis, do humilde vianaespecial.blogspot.com.br
    Abraço Fraternal

  8. ronaldo mourao disse:

    Vou plagiar um ptralha;” A ingnorança astravanca o progrecio.” lula 2018.

  9. Mary de Paula disse:

    Essa ignorância tem nome, chama-se “proveito próprio”. A maioria dos tais “ignorantes” saem ganhando com a volta de Lula ao poder.
    Parabéns pelo excelente artigo, Mestre Miranda!

  10. WELTON REIS DOS SANTOS disse:

    A ignorância é a base da estupidez que por sua vez é irmã dos ditadores. Os seguidores da falácia lulista tem a mesma origem daí a empatia e não importa o nível de escolaridade e sim o ato de inteligir. O artigo cai como luva para classificar uma parcela de brasileiros perdidos na filosofia da esperteza que é finita. Belo artigo! Forte abraço!

  11. vileite disse:

    Num país em que o desgoverno primou por acabar com a educação e a instrução para que o povo não possa reivindicar seus direitos garantidos pela Carta Magna , a qual também foi vilipendiada , lamentavelmente só podemos esperar que ainda hajam seguidores fanatizados pelos corruptores , ladrões e ignorantes , em todos os sentidos , que acabaram com a Nação Brasileira !

  12. dea disse:

    Matou a pau, hein, Miranda! A ignorância e a arrogância são irmãs siamesas, inseparáveis. E elas são ousadas, não tem modéstia, há que se ter muito cuidado com a empáfia dos ignorantes.

    Por outro lado, temos mais de 50 milhões de analfabetos funcionais, ou seja, não compreendem o que acabaram de ler e nem conseguem somar 2 + 2, e isso não é culpa apenas de Lula e do PT, outros governos não tiveram interesse na EDUCAÇÃO, porta de saída pra qualquer país em direção à civilização. Então temos essa multidão de miseráveis, embrutecidos pela ignorância e condenados à uma vida de repetição.

    Já os pseudos intelectuais, esses são apenas pessoas desonestas circunscritas ao Leblon.

    Ah, quanto a nossa “esfarrapada” DEMOCRACIA, é o que temos pra hoje, melhor que continue assim. Que os soldados continuem nos quartéis. gd ab

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *