SILÊNCIO

[ 12 ] Comments
Compartilhar

MIRANDA SÁ (E-mail: (mirandasa@uol.com.br)

“O homem é dono do que cala e escravo do que fala” (Freud)

Durante a XVII Conferência Ibero-Americana, realizada na cidade de Santiago do Chile, no final de 2007, o golpista Hugo Chávez, mal-educado, fez várias interrupções na fala do primeiro-ministro espanhol José Luis Rodríguez Zapatero. Presente ao evento, o rei Juan Carlos de Espanha, cheio de moral, dirigiu-se a ele e disse: ¿Por qué no te callas?

O “Por que não te calas?” de sua majestade correu o mundo e desmoralizou a agitação costumeira dos narco-populistas bolivarianos nos encontros internacionais. Estou esperando que alguém neste País tenha autoridade para mandar calar Aécio, Dilma, FHC, Gilmar Mendes e Lula.

Aos falastrões, a História nos conta a primeira lição do grande Pitágoras aos que se candidatavam a ser seus discípulos. Impunha dois anos de silêncio antes de inscrever -lhes na academia. Mais tarde, os mosteiros da Idade Média estabeleciam o silêncio para ajudar na meditação, a contrição e a ascese.

Há os falastrões gráficos. Na Internet, desde o tempo do Orkut, sempre aparece os tais, e agora, com o aumento dos 180 toques para 280, estão proliferando no Twitter…

Irritam-me as mensagens cheias de ideias vazias, ilustrações que – tirando a estética e as cores – nada dizem, e o mal emprego da gramática. Não distingo se são robôs ou fanáticos defensores de personalidades políticas que ficam repetindo palavras-de-ordem impositivas e argumentos inconsumíveis.

A dispensa mental de certos indivíduos só contém a lataria vulgar para quebrar o galho nas suas refeições íntimas. Faltam ali propostas inteligentes, rareiam as charges com humor e são poucas as informações culturais úteis.

No mundo além da web sinto a privação, também, de modéstia. Os discursos demagógicos dos parlamentares brasileiros auto assumidos como “de esquerda” envergonhariam os socialistas europeus, particularmente os nórdicos. A senadora Gleise Hoffman, presidente do PT, quando abre a boca exala o mal hálito da hipocrisia, da infâmia e da mentira.

A minoria ruidosa do lulopetismo está impossibilitada de sair as ruas sem ouvir altercações e xingamentos. Por isso não se pode aconselhá-los a fazer como o califa Harum el Raschid no seu tempo, quando saia disfarçado, misturando-se com o povo, para ouvir o que os cidadãos de Bagdá falavam dele…

Aqui, Lula, o chefão, de cara limpa anda cercado de seguranças e mesmo nos seus comícios para grupos amestrados não escapa do “pega ladrão! ” Imagine-se como o povo trata seus comparsas de corrupção e traição nacional.

Os “politicamente corretos”, os “humanistas de araque”, os “antirracistas de picadeiro”, e os oportunistas em geral falam demais e importunam a gente e a Federação Mundial da Mediocridade recolhe no seu seio não somente os petistas de carteirinha.

Fazem silêncio ante as “ditaduras amigas”. Agora mesmo as arbitrariedades de Maduro na Venezuela, culminando com a prisão de um brasileiro que estava no país em missão humanista. Silêncio dos “movimentos populares” e, pior, dos “direitos humanos”.

Como ocorre no Foro de São Paulo – agência bolivariana de apoio ao narcopopulismo – a Federação Mundial da Mediocridade recebe os mascarados de vários partidos, dos pé-de-chinelo do MST aos efeagacês intelectuais da vida.

Lembram-me uma antiga anedota que corria nos meus tempos de estudante de Química envolvendo Einstein. Conta que o genial criador da relatividade, foi abordado, após a aula por uma estudantizinha histérica como as ativistas lulopetistas de hoje.

A moçoila perguntou ao mestre se ele poderia traçar a fórmula da felicidade em termos matemáticos. Einstein pegou o lápis e escreveu “a = y + x + z” e resumiu: – “O ‘a’ é felicidade; ‘x’ é trabalho e ‘y’ é a riqueza”. A aluna perguntou: – “E o ‘z’? ” – “O ‘z’ é o silêncio, respondeu o professor.

12 respostas para SILÊNCIO

  1. Alexsandro Fernandes disse:

    Brilhante! Prelúdio de outros textos geniais.
    Em tempo de guerra contra esses comunistas dissimulados continuemos a fazer nosso barulho literário para que os políticos charlatães de sempre não aproveitem do silêncio.

  2. É melhor calar-se e deixar que as pessoas pensem que você é um idiota do que falar e acabar com a dúvida. (Maurice Switzer) Penso noventa e nove vezes e nada descubro; deixo de pensar, mergulho em profundo silêncio – e eis que a verdade se me revela…. (Pelo simples fato de que é no silêncio que ouvimos a voz de Deus) (Albert Einstein) Se soubéssemos quantas e quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio neste mundo. (Oscar Wilde) (Há também o caso de não sermos felizes em nossas palavras, mas nossos amigos as reconfiguram como no caso em que Temer falou do adiamento da votação da matéria da reforma da previdência).Aprendi o silêncio com os faladores, a tolerância com os intolerantes, a bondade com os maldosos; e, por estranho que pareça, sou grato a esses professores. (Khalil Gibran) No final, não nos lembraremos das palavras dos nossos inimigos, mas do silêncio dos nossos amigos. (Martin Luther King)

  3. Leo Alli disse:

    Maravilhoso.

  4. MaRy de Paula disse:

    Excelente artigo, Miranda. Só senti falta dos imbecis que clamam pela volta da nefasta ditadura.

  5. Fica o meu sincero Reconhecimento diante de mais um excelente trabalho do mestre Miranda Sá. Que excelência de texto. Uma viagem na história , passando por um periodo mais antigo ao Moderno e por fim, se estacionando no Contemporâneo; retratando que o “Silencio” se trata de uma ação de Sabedoria, o que certamente pode resultar em felicidade.

  6. Manuel Carlos Lopes disse:

    Como sempre um texto magnífico,com citações e comparações pertinentes. Seus textos sempre ou quase sempre mostram o ontem e o hoje das situações.Por isso, já sugeri um texto sobre Stanislaw Ponte Preta e o Festival de besteiras que assola o país
    com as devidas comparações do ontem e do hoje.

  7. Fantástico ensaio para a moral e ética atuais, Miranda

  8. Karina Bittencourt disse:

    Sempre direto e verdadeiro, infelizmente hoje o certo é errado e existe uma guerra contra o Bem!

  9. Claudimar Barbosa disse:

    Calo-me.

  10. O mundo está fora do controle? E muitos buscam a resposta.
    Não pense que você o único a se sentir inseguro ou com medo de tantas notícias ruins. É bom ter um ponto de vista equilibrado, sermos equilibrado vai nos ajudar a encarar nossos erros de um modo positivo.

  11. WELTON REIS DOS SANTOS disse:

    O silêncio redime os pecados, Confúcio. Confúcio só não disse por quanto tempo o mentiroso irá ficar calado para que suas ações sejam esquecidas, aliás um ardil da mente doente para logo em seguida dar o bote novamente. Fico sempre na espera qual o caçador, essa gente não presta! Parabéns mestre!

  12. vileite disse:

    Maravilhoso texto cheio de verdades, ética e moral . sem falar do grande e espirituoso Einstein que mostrou à “aluninha” que o Silêncio é de Ouro !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *